A MORTAL INDÚSTRIA DA PESCA

A quantidade de peixes mortos é tão grande que é medida em toneladas.

SOFRIMENTO SUBAQUÁTICO


Sejam criados em cativeiro ou capturados na natureza, os peixes não têm nenhuma proteção jurídica com relação a como podem ser tratados ou abatidos. Eles geralmente vivem em grupos sociais complexos e exibem sinais de ansiedade e dor. Entretanto, são tratados como commodities pela indústria da pesca.

EXPLORAÇÕES PISCÍCOLAS

A maioria dos peixes consumidos hoje é criada em área terrestre ou em aquaculturas localizadas nos oceanos e eles passam a vida toda confinados em ambientes apertados. Nos cativeiros industriais, os peixes sofrem por até dois anos em uma água com altos níveis de amônia e nitratos.

É comum que grupos de peixes fiquem infestados de parasitas que se alimentam das brânquias, dos órgãos e do sangue dos peixes. Infecções bacterianas também ocorrem de modo generalizado.

PESCA INDUSTRIAL

A pesca comercial representa a crueldade com animais em uma escala colossal, matando quase um trilhão de animais em todo o mundo a cada ano. Navios do tamanho de campos de futebol usam técnicas como a pesca com espinhel e redes de emalhar.

Na pesca com espinhel, os navios desenrolam até 80 quilômetros de linha, cada uma com centenas de milhares de anzóis com isca. Já as redes de emalhar, que variam de 91 metros a 11 quilômetros de comprimento, criam grandes paredes de redes que os peixes não conseguem ver. Eles nadam involuntariamente nelas e muitos sufocam ou sangram até a morte.

ABATE CRUEL

Nos Estados Unidos, os peixes não são protegidos pela Lei de Abate Humanitário, resultando em uma grande diversidade de métodos cruéis de abate, dependendo da indústria, empresa e espécie.

Os peixes normalmente são removidos da água e deixados para sufocar e morrer. Eles tentam desesperadamente escapar enquanto suas brânquias entram em colapso impedindo-os de respirar. Animais maiores, como o atum e o espadarte, geralmente são espancados até a morte. Isso deixa o animal ferido, mas ele recupera a consciência, e o processo se repete várias vezes..

A REALIDADE EM NÚMEROS


40%

dos peixes criados em cativeiro são afetados por piolhos do mar

1,412

dias de sofrimento para atender ao consumo humano de peixes criados em cativeiro

1,3 BILHÃO

de peixes criados em cativeiro nos Estados Unidos

ALÉM DA CRUELDADE


A indústria da pesca também tem efeitos devastadores em nosso planeta e afeta a nossa saúde.

A PESCA E O MEIO AMBIENTE


A pesca industrial e a aquacultura têm sérios impactos ambientais. A criação industrial de peixes pode levar a condições de água tóxica. Amoníaco, nitratos e parasitas, todos têm consequências graves.

As operações de pesca em escala industrial têm efeitos devastadores similares no meio ambiente. Essas operações de pesca comercial geralmente usam arrastões gigantes que retiram o peixe – e o que mais puderem – do fundo dos oceanos, resultando em até 40% de descarte ao mar de toda a captura global, a captura acessória.

A PESCA E A SUA SAÚDE


O consumo de peixe e de outros animais marinhos pode representar sérios riscos à saúde. Muitos peixes, como o atum, o espadarte, o tubarão e a cavala, são consistentemente ricos em mercúrio, o que pode prejudicar o sistema nervoso de um feto ou de uma criança pequena. Contaminantes encontrados às vezes em peixes, como dioxinas e PCBs, têm sido relacionados a cânceres e problemas reprodutivos.

De acordo com um estudo da Universidade de Plymouth, as pessoas que consomem peixe ingerem até 11.000 minúsculos pedaços de plástico todos os anos. Embora os efeitos para a saúde no longo prazo ainda não sejam conhecidos, os pesquisadores acreditam que isso pode estar levando a vários problemas de saúde, como inflamação e degeneração muscular.

CAMPANHAS DE DESTAQUE


EXPONDO A CRUELDADE SUBAQUÁTICA


A indústria da pesca global está causando imenso sofrimento. A Animal Equality visitou a vida subaquática para documentar o cruel e sangrento abate de atum na Itália.

O QUE POSSO FAZER PARA AJUDAR?


SEJA UM VOLUNTÁRIO DA ANIMAL EQUALITY


Junte-se ao nosso time de voluntários. Seja de forma on-line ou presencial, você pode ajudar a espalhar a verdade sobre a cruel indústria da pesca. Participe de demonstrações, distribua panfletos, crie conteúdo ou participe dos nossos eventos!

Seja um voluntário!

Ajudando os peixes


Ao deixar os peixes e outros animais marinhos longe do seu prato, você pode ajudar esses animais e o planeta além de melhorar a sua saúde. Hoje, uma ida ao supermercado revela que há mais opções baseadas em plantas e livres de crueldade como em nenhum outro momento.

Visite o LoveVeg