VOCÊ PODE NOS AJUDAR A ACABAR COM AS GAIOLAS. Clique aqui para saber mais informações.
Notícias
Receba as últimas notícias e atualizações da Animal Equality

Decisão sem precedentes: tribunal regional alemão confirma a legalidade das investigações secretas

abril 4, 2018 Updated: março 6, 2020

Grande parte do trabalho que fazemos na Animal Equality se baseia em investigações secretas. Somente em 2017, a Animal Equality apresentou 21 investigações e graças às descobertas que fizemos, foi possível expor o terror aos quais os animais são submetidos.

Felizmente não somos os únicos que adotam essas técnicas. Nossa batalha para ajudar os animais é compartilhada internacionalmente com muitos colegas corajosos de outras organizações que, como nós, documentam o que acontece nesses lugares todos os dias.

Apesar dos nossos esforços, infelizmente, nunca houve grandes conseqüências aos alvos das nossas investigações, mesmo nos casos em que são reveladas crueldades extremas e violações gravíssimas dos regulamentos vigentes. Pelo contrário, são as pessoas que trabalham para mostrar o que está acontecendo dentro desses lugares, que muitas vezes são julgadas e até condenadas.

Mas, em fevereiro deste ano, pela primeira vez, um tribunal regional alemão confirmou que a realização de investigações secretas não é ilegal.

O QUE ACONTECEU

Em 2013, a organização alemã Animal Rights Watch (Vigilantes dos Direitos dos Animais) publicou uma investigação secreta contendo revelações chocantes sobre as condições de vida dos porcos criados em uma das maiores empresas alemãs do setor, a “Van Gennip Tierzuchtanlagen GmbH”, estabelecida na Saxônia.

As imagens captadas pelos investigadores mostraram cenas de crueldade extrema e violação do bem-estar animal a que os porcos criados nos galpões da empresa foram submetidos: estavam abarrotados de sujeira, cobertos por bichos e sofrendo com úlceras e cistos enormes.

Quando as imagens foram publicadas, houve uma grande agitação, mas a forma com que trataram os ativistas era muito diferente e realmente desigual à forma que trataram as empresas, que estavam, até então, dentro da lei; as investigações das autoridades da empresa pararam em 2015, enquanto as dos investigadores resultaram em uma acusação de violação da propriedade privada em setembro de 2016.

Felizmente, a situação evoluiu de forma positiva para os ativistas, que foram declarados inocentes e definitivamente absolvidos no último julgamento.

PORQUE AS INVESTIGAÇÕES SÃO TÃO IMPORTANTES

É difícil ter a coragem de enfrentar a realidade: os animais explorados para a indústria da carne passam a vida toda em situação precária, dentro de espaços superlotados e sujos, e depois acabam em matadouros, onde serão mortos brutalmente.

Não é fácil expor essa realidade, mas sem imagens mostrando o que realmente acontece nesses lugares, as pessoas continuariam sem saber e nada seria feito a respeito. Por este e muitos outros motivos, o trabalho dos investigadores secretos é crucial.

Parabenizamos a decisão alemã e esperamos que sirva para mostrar que a luta pelo bem-estar dos animais não é, e não pode ser considerada, um crime.

Todos deveriam saber sobre a crueldade e os abusos constantes em que os animais são submetidos: é por isso que nossos pesquisadores estão em campo, neste exato momento, assumindo pessoalmente as conseqüências de um trabalho tão arriscado.


Últimas notícias
abril 11, 2024

Você sabe quais os problemas da indústria do leite e como evitá-los?
abril 1, 2024

No início de março, a Animal Equality se uniu à Open Wing Alliance (OWA) em uma campanha global contra marcas proeminentes do setor hoteleiro, que não estavam cumprindo seus compromissos globais com ovos livres de gaiolas. Hilton Hotels & Resorts, Louvre Hotel Group e Meliá Hotels International foram elogiados…
março 25, 2024

Em colaboração com a Animal Equality, a deputada Luciene Cavalcante (PSOL) apresentou na semana passada dois projetos de lei para proteger os direitos dos animais na Câmara dos Deputados do Congresso Nacional do Brasil. O projeto de lei (PL) 783/2024 tem como objetivo proibir a matança de pintinhos machos. O…