Notícias

- Receba as últimas notícias e atualizações da Animal Equality -

A criação de animais para consumo e o risco de uma nova pandemia

December 30, 2020

O Brasil está entre os 10 maiores produtores de carne bovina, suína, frango, leite e ovos. Bilhões de animais estão confinados em fazendas industriais brasileiras que não seguem princípios básicos de bem-estar animal. Além de ser cruel com os animais, isso também representa um risco para a saúde humana

A Organização Mundial da Saúde (OMS) advertiu que o novo coronavírus não será a última pandemia e lembrou que os avanços sanitários serão insuficientes se não houver mudanças com relação ao aquecimento global e ao bem-estar animal.

Entre as prática mais cruéis das fazendas industriais brasileiras, podemos citar:

PORCOS

– Mutilações sem anestesia – filhotes têm seus rabos, orelhas e dentes cortados e também são castrados sem anestesia;

– Porcas mães vivem em gaiolas extremamente pequenas, onde mal conseguem dar um passo para frente. 

GALINHAS

– 95% das galinhas brasileiras vivem em gaiolas com um espaço, por ave, menor que uma folha A4;

– Muda forçada – um manejo que os produtores de ovos fazem para que as galinhas botem mais ovos. Para isso, as aves passam por privação total ou parcial de alimento, e em alguns casos, ocorre até privação de água. As aves perdem em torno de 30% do peso corporal e ficam até 12 dias consecutivos sem receber alimento.

FRANGOS

-A indústria, através da seleção genética, fez com que os frangos se tornassem tão musculosos e pesados que os ossos das pernas desses animais não são capazes de suportar o peso do próprio corpo. Por isso, frangos sofrem com dores ósseas e muitos se tornam incapazes de andar e, assim, acabam morrendo de desidratação e desnutrição, pois não conseguem se locomover até os comedouros e bebedouros. 

BOIS E VACAS

-Têm seus chifres retirados em um procedimento muito doloroso sem anestesia.

-Têm a face e outras partes do corpo marcadas com ferro quente. Isso é feito para identificar a fazenda que o animal vive, o número do animal, se ele já foi vacinado, entre outros. Ou seja, ao longo da vida, o animal sente a dor dessa queimadura por várias vezes. 

PEIXES

-Vivem em água com qualidade inadequada devido a superpopulação (muitos peixes em uma quantidade de água insuficiente para tantos animais), isso leva a uma baixa concentração de oxigênio na água e, assim, eles têm muita dificuldade para respirar. 

Existem evidências científicas que sustentam o fato de que o bem-estar animal não deve ser considerado apenas como uma questão ética, mas também do ponto de vista da segurança alimentar: fatores de estresse e baixo grau de bem-estar podem aumentar a suscetibilidade dos animais a doenças, apresentando riscos aos consumidores e a sociedade como um todo. Lembrando que, de acordo com a ONU, 70% das doenças das doenças modernas que acometem humanos tiveram origem nos animais

A Animal Equality é uma organização internacional que se dedica a defender animais explorados para consumo por meio de campanhas, advocacy, relações corporativas e investigações. 

Se você simpatiza com a nossa causa, você pode colaborar das seguintes formas:

Inscreva-se no Protetores de Animais, nosso programa de voluntariado on-line, e comece a ajudar os animais agora mesmo, sem precisar sair de casa; 

Faça uma doação mensal ou pontual;

Acompanhe o nosso conteúdo nas redes sociais e compartilhe as nossas publicações.

Ajude-nos a lutar por um mundo mais compassivo!



Últimas notícias

December 21, 2020

Na última sexta-feira, 18, foi publicada uma regulamentação de boas práticas de manejo em granjas de suínos criados para alimentação, visando o bem-estar dos animais. O objetivo da Instrução Normativa nº 113 é estabelecer os parâmetros que sirvam de guia para os produtores e agentes fiscalizadores. Entre as normas, propõe-se…
December 11, 2020

Para marcar o Dia Internacional dos Direitos dos Animais, comemorado no dia 10 de dezembro, fizemos uma projeção em um prédio no cruzamento das ruas Maria Antônia e Consolação, uma das regiões mais movimentadas da cidade de São Paulo, com a mensagem “Deixe os animais fora do seu prato”. O…
December 9, 2020

Este é um passo gigante para os animais em todo o mundo. PROGRESSO HISTÓRICO: um dos maiores grupos de restaurantes do mundo, Restaurant Brands International (RBI), proprietário das marcas líderes Burger King, Popeyes e Tim Hortons, lançou hoje uma política global para banir gaiolas de sua cadeia de fornecimento de…