VOCÊ PODE NOS AJUDAR A ACABAR COM AS GAIOLAS. Clique aqui para saber mais informações.
Notícias
Receba as últimas notícias e atualizações da Animal Equality

Crueldade nas Olimpíadas: foie gras estará no cardápio

junho 25, 2024

Os Jogos Olímpicos de 2024 acontecerão em Paris entre 26 de julho e 11 de agosto. O cardápio dos jogos tem como objetivo “proporcionar um gostinho da França de maneira responsável e sustentável”.

Os organizadores afirmam estar “focados em mostrar a comida francesa que é adquirida, produzida e consumida de forma responsável”, com 80% das refeições fornecidas sendo de origem local. Num movimento para fornecer opções sustentáveis ​​e amigas do meio ambiente, cerca de 60% dos 13 milhões de refeições fornecidas serão isentas de carne, feitas completamente à base de plantas. As ofertas incluem shawarma vegetariano, risoto de quinoa e até mesmo um “atum” à base de plantas.

Embora estejamos satisfeitos por ver que o Comitê Olímpico Internacional está promovendo vegetais em vez de produtos de origem animal, estamos desapontados por ver que o foie gras fará parte do menu de hospitalidade e será servido no local durante todo o evento. 

O que o Comitê Olímpico diz sobre foie gras?

Em abril, nós da Animal Equality entramos em contato com o Presidente, Diretor Geral e Diretor Executivo do Comitê Olímpico Internacional.

Na carta, a presidente e cofundadora da Animal Equality, Sharon Núñez, expressou sua apreciação pelos esforços do Comitê para promover a sustentabilidade ambiental e pediu que o foie gras não fosse servido nos Jogos, escreendo que oferecer foie gras, produzido através de alimentação forçada, seria “totalmente inconsistente com a ética do evento”.

Não recebemos resposta a esta carta, mas descobrimos que foie gras será servido aos convidados que compraram pacotes de hospitalidade premium.

Em um mês, os olhos do mundo estarão voltados para os Jogos. Devemos ficar encantados com os talentosos atletas exibindo suas habilidades e celebrando os deliciosos pratos à base de plantas oferecidos… não devemos ser distraídos pela crueldade animal. O Comitê já demonstrou uma liderança visionária ao elaborar um cardápio inovador com refeições nutritivas à base de plantas. Eu os insto a ouvir as preocupações da comunidade internacional e remover este prato divisivo do menu de hospitalidade – Sharon Núñez, presidente e cofundadora da Animal Equality

Como documentamos nestes anos de investigações, a alimentação forçada a que patos e gansos são submetidos é uma prática terrível e dolorosa. As Olimpíadas deveriam se concentrar em celebrar interesses internacionais compartilhados, mas a crueldade contra os animais não é um deles. Por isso, eu insto fortemente o Comitê a refletir e remover o foie gras do cardápio – Matteo Cupi, Vice-Presidente da Animal Equality na Europa

Como o foie gras é produzido

Para produzir foie gras, patos e gansos são forçados a consumir quantidades anormais de ração até que seus fígados atinjam dez vezes o tamanho natural. Cada animal é alimentado à força duas ou três vezes ao dia, durante várias semanas. Milhões de animais experimentam essa dor excruciante todos os anos. Esse processo é feito para que propositalmente fígado do animal fica doente, inchando até o tamanho de uma pequena bola de futebol, momento em que são abatidos

A alimentação forçada por trás da produção de foie gras é uma prática terrível, que nossa equipe de investigação documentou em mais de uma dúzia de investigações na França e na Espanha desde 2012.

Em centenas de horas de filmagens coletadas, mostramos como os animais explorados por essa indústria realmente vivem. Confinados em gaiolas de metal, sofrendo de dificuldades respiratórias e infecções oculares, com asas e bicos quebrados.

Entre os diversos especialistas que condenam a produção de foie gras está o Professor Donald Broom, professor e pesquisador da Universidade de Cambridge, que estudou os efeitos do processo de alimentação forçada (ou ‘gavage’) nos animais. De acordo com o Professor Broom: Os resultados desta pesquisa são inequívocos. A prática de alimentação forçada causa uma deterioração acentuada no bem-estar dos patos.

Ajude-nos a dizer NÃO ao foie gras no cardápio das Olimpíadas

A Animal Equality se recusa a ficar de braços cruzados e permitir que essa crueldade apareça nos Jogos.

Precisamos agir rápido! Faltam pouco mais de quatro semanas para os Jogos, e Marie-Pierre Pé, Diretora do Cifog – um órgão que representa os produtores de foie gras – já declarou que a indústria está aumentando sua produção na preparação para o grande evento.

Isso é mais urgente do que nunca. Os animais estão sofrendo agora porque o foie gras está presente no cardápio das Olimpíadas.

Revelamos a verdade para o mundo. Agora precisamos que você se junte a nós exigindo que o foie gras produzido por alimentação forçada seja removido do cardápio de hospitalidade das Olimpíadas.

Para mostrar que qualquer produto pode ser reproduzido na versão vegana, queremos compartilhar com você uma receita de foie gras. Clique aqui para acessar.

Lembre-se: a melhor forma de proteger os animais é reduzir ou eliminar o consumo de carne, leite e ovos. Seja um campeão pelos animais, seja VEGANO(A)!


Últimas notícias
julho 10, 2024

A Animal Equality lançou uma campanha global pedindo ao Comitê dos Jogos Olímpicos que remova o foie gras, produzido por meio de alimentação forçada, do cardápio dos Jogos. Em poucos dias, a petição reuniu mais de 40.000 assinaturas. Agora, dezenas de atletas, acadêmicos e ambientalistas se juntaram à campanha escrevendo…
julho 1, 2024

Pintinhos e bezerros machos são descartados logo após o nascimento devido a questões puramente econômicas
maio 28, 2024

Mais de três meses após o término do julgamento, os proprietários da fazenda documentada por Jordi Évole e a equipe de Salvados, em parceria com a Animal Equality, foram absolvidos de 14 acusações de crueldade contra animais. A decisão do juiz absolve os Irmãos Carrasco, apesar de admitirem que os…